Sobre Ateísmo e Caráter

Quem nunca sofreu preconceito por ser ateu? Pode ser numa conversa qualquer com alguém de sua família, com alguns amigos, numa mesa de bar, com desconhecidos, pelo menos uma vez na vida você, como ateu, já ouviu um “Como assim, você não acredita em deus?” Ou um “É impossível alguém não amar a deus.”.

Ora, mas por que cargas d’agua eu não poderia acreditar? “Ah, deus é amor, é a vida, quem não gosta dele vai para o inferno, é uma pessoa ruim”.

Mas, não é que eu não goste dele, aliás, como eu posso gostar ou odiar algo que eu não acredito que exista?

Nosso caráter é colocado em dúvida quando expomos nossa posição, porque pra muita gente que se diz religiosa, deus = amor, caráter, vida, compaixão, bondade, etc. O que me pergunto sempre é: será que essas pessoas nunca pararam pra pensar o quão incoerente elas estão sendo? Porque quem disse que a moral e a ética vieram por causa de Jesus Cristo? Quer dizer que antes de Cristo todos eram maus, não havia bondade, amor, essas coisas?

Temos muitos exemplos de ateus que contribuem para a sociedade de alguma forma, como o inglês Richard Dawkins, que além de ser vice-presidente da Associação Humanista Britânica, é dono da Fundação Richard Dawkins para a Razão e a Ciência, que é uma organização sem fins lucrativos e visa financiar pesquisas sobre a psicologia da crença e da religião, materiais e programas de educação científica e divulgar e apoiar entidades filantrópicas seculares. Os atores Brad Pitt e Angelina Jolie, que adotaram 3 dos seus 6 filhos: os três adotivos são: Maddox, do Camboja, Pax, que foi abandonado pela própria mãe em um hospital no Vietnã, e Zahara, que vivia num orfanato na Etiópia. O casal vive viajando como embaixadores da ONU para ajudar os países que mais precisam de ajuda, como o Paquistão, no qual foram em 2005 duas vezes para ajudar as vítimas do terremoto. Entre outros nomes temos Charles Chaplin, Isaac Asimov, Oscar Niemeyer, John Lennon, Steve Jobs…a lista é enorme.

Claro que existem pessoas religiosas que também contribuem, porém o foco aqui é mostrar que os ateus também fazem sua parte, como qualquer outro ser humano.

O ser humano é capaz de fazer tantas coisas, é dono de tantos sentimentos, tantas alegrias e tristezas, que é impossível classificar seu caráter apenas pela sua religião, que deveria ser algo íntimo, não interferir diretamente nos atos de alguém. Quando digo isso, quero dizer que, por exemplo, você não pode querer fazer o bem apenas porque é o que o pastor, o padre disse, ou porque você vai pro inferno se não fizer, porque Deus está olhando. Você, que tem o prazer de ajudar o próximo, ou de contribuir para com a ciência, porque sabe que isso será usado para o bem de todos, sabe também que vem de dentro, vem da pura e simples VONTADE de ser bom, de SER HUMANO. E isso vale mais do que qualquer oração, do que qualquer dízimo (aliás, vamos combinar, qualquer coisa vale mais, em termos de relevância, do que isso), do que qualquer culto, ou missa, ou qualquer outra coisa que lhe digam que é em nome de algo.

Faça o bem, em nome da pessoa que mais pode fazer algo pelo mundo:

Você mesmo.

  1. Marcelo Moraes

    As Pessoas vêm o Ateu como send uma “contra-religião”, se é que existe esta palavra.. As pessoas não encaram como uma opinião, argumentos baseados em estudos, fatos que voce decidiu que são os certos. As pessoas enxergam como voce estás indo CONTRA deus, religião. Os “ensinamentos” que foram passados de pais para filhos durante centenas de anos, numa epoca em que não era possivel certificar-se sobre o que estava acontecendo, afinal para ir de uma cidade a outra a 2.000 atrás se os animais selvagens não “comessem” voce poderia morrer de doenças, ataques de outros povos, assassinato, etc com isto

    • Maria Gabriela dos Santos

      Exatamente Marcelo, infelizmente grande maioria ainda pensa assim. Esse é o trabalho da APE, promover o livre pensamento, lutar pelo estado laico e contra o preconceito dessas pessoas. Acredito que um dia essas pessoas serão poucas, mas é um trabalho de formiguinha mesmo. Obrigada por comentar!

      Abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s