SOBRE A EVOLUÇÃO, A ORIGEM DA VIDA E A ORIGEM DO UNIVERSO.

Não é de hoje que noto que conceitos como evolução, origem da vida e do universo estão um pouco distorcidos e muitas vezes até embaralhados uns nos outros. É comum em debates sobre biologia que leigos e até mesmo estudiosos “troquem as bolas” quando o assunto tange essas áreas do conhecimento. Mas antes de chegar ao cerne deste artigo é preciso deixar bem claro uma coisa: a teoria da evolução nada diz sobre a origem da vida, muito menos sobre a origem do universo.

Muita gente pode ter ficado perplexa com essa notícia, mas é a pura verdade. O fato é que a Teoria da Evolução, as teorias sobre a origem da vida e a teoria mais aceita sobre a dita “origem” do universo (Big Bang) são teorias que nada dizem respeito uma às outras. Vamos explicar, por partes e resumidamente, cada uma delas de maneira simplificada.

Sobre a Teoria da Evolução. Não é de hoje que quero escrever sobre essa teoria, mas hoje só vou falar do básico. A Teoria da Evolução das Espécies por meio da Seleção Natural de Wallace-Darwin é um dos grandes marcos da biologia moderna. Wallace e Darwin, separadamente, teorizaram um mecanismo natural de seleção no qual animais mais adaptados ao ambiente em que vivem sobrevivem por mais tempo e geram mais descendentes (o famoso jargão dos professores de biologia do “os mais aptos sobrevivem”). A teoria moderna da evolução usa de outros mecanismos além da seleção natural, mecanismos esses que Darwin e Wallace desconheciam, como a genética. Não pretendo, aqui, dar uma aula sobre evolução, mas sim mostrar a diferença entre as três teorias citadas acima, que muitas vezes são confundidas como sendo uma só. A Teoria da Evolução parte do ponto em que a vida já existia e tenta explicar como ela evoluiu e se diversificou, nem Darwin, nem Wallace tentaram explicar a origem da vida através da evolução.

Sobre a origem da vida. A origem da vida é outro assunto polêmico que gera divergências monstruosas na ciência. Eu não vou me atrever a discutir qual a teoria que melhor explica até hoje a origem da vida. O fato é que, para a ciência, existem dois caminhos mais prováveis: 1) a vida surgiu na Terra a partir de matéria inorgânica; 2) a vida terráquea não surgiu no nosso singelo planeta, ou seja, é originária de uma fonte extraterrestre. A maioria da comunidade científica tende para a primeira opção, e ela tem um nome: Abiogênese. O que os pesquisadores da abiogênese fazem é tentar reproduzir as condições climáticas e químicas da Terra jovem e ver se dela seria possível algum tipo de molécula orgânica e posteriormente um proto-organismo (um ser vivo muito primitivo parecido com uma bactéria) ser originado. Os avanços nessa área são cada vez mais surpreendentes. Para não me alongar muito, no fim deste texto eu vou deixar uma sequência de vídeos excelentes sobre a evolução e a abiogênese. Ainda sobre a abiogênese vale salientar mais uma coisa: cientistas da abiogênese não querem mostrar que “a vida na Terra surgiu exatamente assim”, o que eles pretendem é descobrir a forma mais provável que se deu o surgimento da vida. Logo, mostrando-se que mesmo nas condições da Terra primitiva é possível se originar organismos provindos de elementos inanimados, a crença na hipótese criacionista cai mais ainda em descrédito. Afinal, se existe meio de a vida se originar por processos naturais, nas condições climáticas e químicas da Terra primitiva, não há porque supor que o surgimento da vida se deu por motivos sobrenaturais.

Sobre a origem do universo. Se você alguma vez já esteve envolvido num debate sobre evolução, muito provavelmente algum leigo, do nada, mudou as rédeas da discussão da evolução para a famosa frase do “e como o universo surgiu?”. Se isso já lhe aconteceu, eu compartilho da sua revolta. Tudo bem que não é necessário saber que são coisas tão distintas quanto água e areia, mas ainda assim é frustrante ver todo um debate sobre um assunto perder o foco e sair quicando sobre vários outros assuntos que nem sempre são da mesma área do conhecimento. Antes de qualquer coisa: a origem do universo não passa nem perto da teoria da evolução, ou mesmo da abiogênese. A origem do universo e a da vida na Terra são separadas pela quantia ínfima de aproximadamente 9 bilhões de anos, coisa pouca, eu sei. Não estudo cosmologia, logo todo meu conhecimento sobre o assunto foi tirado de leituras científicas da internet ou livros disponíveis e facilmente encontrados. A primeira coisa e a mais importante (que talvez choque alguns), a Teoria do Big Bang não diz respeito à origem do universo [pausa dramática para os leitores se desesperarem], o Big Bang trata da expansão do universo conhecido, fazendo uma analogia um tanto tosca, é mais ou menos a mesma relação entre a teoria da evolução e a da origem da vida na terra. Na verdade, os cálculos matemáticos feitos para o Big Bang não conseguem chegar ao tempo zero, instante em que o universo surgiu. Os cálculos chegam a instantes bem próximos do zero, mas ao se tentar fazer o cálculo com o instante zero a equação simplesmente não funciona corretamente, é algo muito parecido com os cálculos que tentam prever o que acontece dentro de um buraco negro, a esse “mau funcionamento da equação”, em física e matemática, dá-se o nome de singularidade. Pois bem, sabendo que existe uma singularidade matemática nas equações que tentam descrever o início do universo, a resposta básica é “não se sabe da origem do universo”. O que sabemos é que frações de milésimos de segundos depois do surgimento do universo, ele estava restrito a uma área muito pequena e nos milésimos de segundos depois ele se expandiu de forma assustadora, e até hoje continua se expandindo. Resumindo, não sabemos como o universo surgiu, mas temos boas teorias do que aconteceu logo depois.

Apesar de essas três teorias estarem sempre nas discussões e nos fóruns internet afora, as pessoas que as criticam, ou mesmo as que as defendem, parecem não ter a simples noção de que se tratam de teorias distintas e de que pesquisadores ou estudiosos de uma delas não necessariamente precisam ter conhecimentos avançados sobre as outras.

Alguns links relacionados:

Aulas de Evolução com o professor de biologia Yuri Grecco:

Aula 1) http://www.youtube.com/watch?v=4ACceuzViO8

Aula 2) http://www.youtube.com/watch?v=wJMtCTBJ57Q

Aula 3) https://www.youtube.com/watch?v=8-yTH1DbiUQ

Aula 4) http://www.youtube.com/watch?v=TTDoGUKvPxA

About these ads

  1. Ronald Moura

    Olá, escritor (a): Creio que você se equivocou ao dizer, no primeiro parágrafo do texto, que “a teoria da evolução nada diz sobre a origem das espécies, muito menos sobre a origem do universo”. A Teoria da Evolução trata-se exatamente dos mecanismos que determinam o surgimento de novas espécies. Imagino que você estava se referindo ao fato de a Teoria da Evolução não estar relacionada com a origem da vida em si.

    Ronald.

  2. Eraci do nascimento

    O fato é que existe sim um DEUS energia superior por traz disso tudo e que rege esse mecanismo perfeito. Num caus não pode existir mecanismo de ordem perfeita e absoluta. Admiro muito o relógio do tempo . Tudo gira e tudo funciona com uma precisão absoluta. Nada sai de sua orbita e nada se perde navegando no espaço infinito. É controlado e não descontrolado. Portanto uma força ou uma energia superior está por traz deste controle absoluto…esta é a minha convicção sobre o assunto.
    (ps; não sou acadêmico)

  3. Marcelo Moraes

    Gostei de seu artigo e com certeza muitas pessoas confundem ou tratam como sendo uma coisa so a origem da vida, evolução e “surgimento” do universo. A singularidade matematica causa confusão nas pessoas que acreditam o o Big-bang trata do surgimento do Universo. Quando ao Eraci, sinto discordar. O ser humano é carente e sempre busca uma relação de dependencia. ele não aceita que está sozinho no universo, não quero dizer que não existem outras formas de vida (baseadas em carbono ou não) mas quero afirmar que não existe nada de divino na nossa criação/evolução e quando morremos retornaremos como moleculas dentro de uma planta ou verme.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s